Em 24 horas, três multibancos rebentados

Há uma quadrilha que anda a assaltar caixas de multibanco. Nos últimos dois dias, foram registados três assaltos com recurso ao mesmo método: rebentamento de botijas de gás, cuja explosão destrói o cofre e permite a retirada das notas.
O mais recente assalto foi nas Caldas da Raínha, na caixa multibanco da Expoeste – Pavilhão de Feiras e Exposições. O assalto foi esta madrugada.
Além da explosão da caixa multibanco os suspeitos partiram os vidros laterais e entraram dentro do edifício para retirarem as caixas com o dinheiro, disse António Marques, responsável pela organização de certames na Expoeste – Pavilhão de Feiras e Exposições das Caldas da Rainha.
Segundo testemunhas oculares, “pelo menos duas pessoas, todas vestidas de preto, partiram os vidros, entraram no edifício e saíram com as caixas para o interior de um carro preto que arrancou logo a grande velocidade”.
O crime está a ser investigado pela Polícia Judiciária de Coimbra que hoje de manhã recolheu provas no local.
Uma hora antes, outra máquina multibanco da Caixa de Crédito Agrícola foi assaltada em Aveiras de Cima, na Azambuja, igualmente através de explosão por injeção de gás.
Ontem, o mesmo “filme” em Torres Vedras: dois homens vestidos de negro rebentaram com a caixa multibanco e fugiram num carro de alta cilindrada.
Se não são sempre os mesmos, andaram todos na mesma escola. O modus operandi repete-se, o número de assaltantes é sempre o mesmo, os carros utilizados nas fugas são igualmente potentes.

Veja também Mais do autor

Deixe um comentário

banner